Parafraseando a Dr.ª Rute Remédios, as opiniões são como as vaginas: cada uma tem a sua e quem quiser dá-la, dá-a. Neste blog, Julie D´aiglemont dá a sua. Opinião, claro. E nem sempre da forma mais respeitosa. Isso ofende a vossa sensibilidade? Então, ide, ide. Ide ler o programa de um qualquer partido de extrema esquerda, que de certeza é mais consentâneo com vossos princípios morais.





segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

Fígaro - 1999-2012

É possível amar alguém de outra espécie como se fosse do nosso sangue. Era recíproco.

32 comentários:

Conto de Fadas disse...

Lamento muito... sem bem o que é esse sofrimento, eles são parte da minha família. Força!

Catarina Reis disse...

Curiosa esta mensagem... logo no dia em que tenho uma amigo de 4 patas gravemente doente, e de quem muito gosto... aguenta-te Quiko. Uma beijoca

Maria disse...

É é bem possível. Tadinho do bichinho.

Pusinko disse...

Pois é. Amor verdaneiro é assim mesmo.
:(

S* disse...

Oh Julie... :( Já era um senhor gato, velhinho... mas tão lindo. Sempre tive paixão por gatos pretos e o teu era lindo.

É possível, sim, totalmente possível. Força.

Sini disse...

Oh querida lamento, a sério :( A minha Mi completa este ano 14anos se Deus quiser! Já começo a pensar numa futura separação pois sei que é já está velhinha e é inevitável mas custa...são família. :,(

abspinola disse...

Julie sei bem como é esse sentimento, ja perdi o meu Tareco em 2004 e ainda sinto tanto a sua falta.
Um beijinho ennorme para ti.

LEANA disse...

Se é! E só me apercebi disso quando perdi a minha Julieta. Custa muito, ainda me dói como se tivesse sido ontem :(
Beijinho

ricman disse...

Oh, tadito...
Mas ficas com 13 anos de memórias inesquecíveis.
Beijoca, Julie

Anónimo disse...

Oh querida, um grande abraço.... é possível sim, e amam-nos de forma mais sincera do que tantos dos nossos semelhantes. beijão.

Izzie disse...

sim, é possível. beijinho e abracinho.

AC disse...

Claro que sim...já senti isso quando perdi a minha cadela há uns anos.
Força.

Beijo*

Lima e Tequilla disse...

É uma grande tristeza perder um amigo assim. Beijinho*

AvoGI disse...

claro acabei de perder um cachorro
kis .=(

Turista disse...

Querida Julie, claro que é!
Um beijinho.

Queen of Hearts disse...

Oh Julie... :( Lamento mesmo muito. Um beijinho grande

Bloga-mos disse...

Adopta outro o quanto antes, é a melhor maneira de ultrapassar o luto.

A Dona do Pechiché disse...

A parte do amor como se fosse familia compreendo... a aparte de perder a minha bichana nem quero pensar nisso... o estranho é aqueles q não têm animais não compreenderem o amor que se ganha aos bichinhos... a minha canita é como uma filha e nem imagino s minha vida sem ela... bjs

B.B disse...

É possível. Um beijinho.

Laura disse...

Lamento a perda. Na minha opinião um outro animal não preenche aquele lugar vazio no teu coração.Mas se fores corajosa, adoptas outro animal que poderás amar tanto ou ainda mais, com a certeza de que ficará para sempre aquela saudade. Ainda criança perdi o meu companheiro de aventuras e até hoje não voltei a ter animais para evitar o sofrimento da perda. Mas eu sou muito fraca, não sou exemplo...

Julie D´aiglemont disse...

Muito obrigada a todos pelo carinho.
Beijos grandes.

Julie D´aiglemont disse...

Não estou a pensar adoptar outro com a intenção de substituir o Fígaro, porque por um lado ele é insubstituível. Por outro lado, tenho muitos outros animais (cães e gatos) - todos fofos e insubstituíveis à sua maneira.
No entanto, estou na iminência de adoptar uma gata, uma vez que tem de ser salva e não encontro uma alma boa que a acolha.

Maria Papoila disse...

Muitos beijinhos e festinhas e marradinhas, tantas quanto o fígaro te deu.

Não fica triste.

Bloga-mos disse...

Linda menina, ainda te faço uma estátua em vida...

Anónimo disse...

Por este post, posso dizer: gosto da pessoa que és.
EJSantos

Catarina disse...

Sim... O amor verdadeiro existe! Era muito parecido com a minha Licas :(

[R]Evolution disse...

Lamento muito a perda. Coragem Julie!
Xi-coração de carinho

Lótus disse...

Um beijinho, querida.

David Levy disse...

:( Infelizmente não os podemos ter sempre.

Bj

Tweety disse...

Uma leitora ali a cima escreveu que quem não tem animais não compreende... Eu não tenho animais e compreendo perfeitamente... e a meu ver é bastante humano amar o animal de estimação.

beijim

VerdezOlhos disse...

Lamento muito a tua perda :(
Força


O blogue DESABAFOS passa a estar noutra casa:

http://entraesentate.blogspot.com/

Se quiseres continuar a ler-me terei todo o gosto e ficarei muito contente. Obrigada

"Entra, senta-te e fica à vontade, a casa é tua".

Beijinhos

Tulipa disse...

É possível sim! Sinto muito! Bjs