Parafraseando a Dr.ª Rute Remédios, as opiniões são como as vaginas: cada uma tem a sua e quem quiser dá-la, dá-a. Neste blog, Julie D´aiglemont dá a sua. Opinião, claro. E nem sempre da forma mais respeitosa. Isso ofende a vossa sensibilidade? Então, ide, ide. Ide ler o programa de um qualquer partido de extrema esquerda, que de certeza é mais consentâneo com vossos princípios morais.





quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

No escritório...

Depois de um dia inteiro num julgamento nas Varas Criminais, AS entra e diz: "Estou com o rabo todo apanhado".
Ela lá sabe. É verdade que são 49 arguidos...

12 comentários:

Pepper disse...

Ahahahahahahah!

Prezado disse...

É daí o termo "Vara" ? xi como eu era ingénuo.

Catarina Reis disse...

Não deixa de ter um certo sentido de Humor e de amor. AH!AH! Beijos

L.O.L. disse...

De facto no Brasil usa-se muito o termo "vara" para designar o Órgão "Musical" Masculino! Lololololololololol!

Avelino disse...

CARA AMIGA

ASSIM ATÉ DAVA GOSTO ....PASSAR PELO TRIBUNAL

EHEHEHEHEHEH

UM ABRAÇO

Pseudo disse...

Eh lah! Aquele indicativo telefónico é da minha terra de origem!!

Julie D´aiglemont disse...

Não duvido, Pseudo. Não duvido. eheheheh (acho que estamos a começar uma guerra na blogosfera)

Tio do Algarve disse...

E os poços do anúncio seguinte terão alguma coisa a ver com as varas?

Será uma armadilha dessas advogadas? Por favor esclarece, se puderes.

Tio do Algarve disse...

Hello again...
Há alguma relação entre o rabo apanhado e as varas?

AvoGI disse...

RAbo ( de cavalo) apanhado
só pode ser
kis :=)

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

hehehe... Uma pessoa tem mesmo de pensar 2 vezes antes de abrir o rabo... ah, ups, ... a boca!!! :)

Tio do Algarve disse...

LOOOOL!!!! Obrigado AvoGI, já estava a ficar com os cabelos em pé.
;-)