Parafraseando a Dr.ª Rute Remédios, as opiniões são como as vaginas: cada uma tem a sua e quem quiser dá-la, dá-a. Neste blog, Julie D´aiglemont dá a sua. Opinião, claro. E nem sempre da forma mais respeitosa. Isso ofende a vossa sensibilidade? Então, ide, ide. Ide ler o programa de um qualquer partido de extrema esquerda, que de certeza é mais consentâneo com vossos princípios morais.





sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Boa acção do dia: ensinar História a alguns comunistas

Tem sido notícia um artigo do Jornal "Avante!", no qual Jorge Messias lança mão dos "Protocolos dos Sábios de Sião" para alertar para "a rede conspirativa que se vai instalando na terra", por trás da qual figuram os sionistas, o Vaticano e a Maçonaria.
Um comunista que não gosta de judeus não só não espanta, como até vem na tradição do democrata Estaline.
O extraordinário é a ignorância em tratar os "Protocolos" como se de um documento legítimo se tratasse - caríssimo Messias, vou explicar-lhe isto de uma forma simples: está a citar um documento forjado pela polícia secreta de Nicolau II, com intenções anti-semitas.
Como me parece que com a Historiografia tradicional já não vai lá, aconselho-lhe um livro de BD da autoria de Will Eisner: tem muita bonecada, vai ver que é fácil de perceber.


8 comentários:

Matilde disse...

Tu descobres com cada coisa!

André disse...

Não estarás a pedir muita compreensão de quem notoriamente tem muito pouca?
é que eles ainda têm dúvidas que a corea do norte não seja uma democracia...

Lusty disse...

Hum! Sr.ª Dr.ª, esse livro é seu? Se é...tens de me emprestar!
bjokas do Shire!

Julie D´aiglemont disse...

Cara filha do carpinteiro do Shire: claro que te empresto.

ANTIFALSIDADES disse...

Este blogue também presta o chamado "serviço público" em doses certas. Não podem ser é muitas doses senão é nacionalizado por esses senhores e depois não podes dizer tudo o que pensas:)
Bjs!

Anónimo disse...

Estive em NY na ultima quinzena de Outubro havia judeus por todo o lado vestidos com aquelas roupas pretas horriveis parecem que tinham acabado de sair coitadinhos de algum guettttoooo, e não é que os meninos perguntavam a toda a gente (creio que em particular aos homems)se ERA JUDEU!!!!???.Das até pareciam o Maome vestido de preto.Mas eram todos muito pequeninos contrariamente aos judeus americanos louros e de olhos azuis. Fodas mas de onde é que saiu esta praga.As gajas pareciam que tinham saído de tras os montes há cinquenta anos atras em direcção ao brasil ...deviam ter bigodes e tudo.
Quanto aos protocolos é um livro muito bem escrito que os judeus nunca conseguiram suprimir e que lhes tá sempre a bater na cabeça.Coitadinhos.
Quanto ao tio Staline, não te esqueças que quer o GRU quer o NKVD estavam cheios de judeus que trabalharam muito pelos patetas dos comunistas e estes agradeceram-lhes enfiando-lhes um pau pelo cu acima.Os bolcheviques estavam cheios de judeus sendo o principal um criminoso de primeira apanha o Lev Bronstein (sabes quem é não sabes)e os judeus bolcheviques participaram em massa em actividades criminosas contra o povo russo em particular contra os camponenses.Não sabes que até o medico principal do Staline era judeu........e sabes bem que o Staline era um filho da puta.
O lugar dos judeus no mundo será mais tarde ou mais cedo na Russia (onde eles recomeçaram a ter posições muito importantes e na defunta America.

Griguriev

goncalofortes disse...

Suspeito que o próximo artigo do Avante vai ser sobre preconceito racial, sustentado em tiras do Spirit...

Numenor disse...

Sei o que (nunca ) foram os protocolos...

Mas o que é o Avante?