Parafraseando a Dr.ª Rute Remédios, as opiniões são como as vaginas: cada uma tem a sua e quem quiser dá-la, dá-a. Neste blog, Julie D´aiglemont dá a sua. Opinião, claro. E nem sempre da forma mais respeitosa. Isso ofende a vossa sensibilidade? Então, ide, ide. Ide ler o programa de um qualquer partido de extrema esquerda, que de certeza é mais consentâneo com vossos princípios morais.





quinta-feira, 7 de julho de 2011

Portugal no seu melhor (#11)

Imagem roubada daqui.

9 comentários:

L.O.L. disse...

Vivós tachistas assumidos. (Neste momento estou a dar uma gargalhada assumida) lololololololol.

Fresco e Fofo disse...

Idiota.
Ainda houve quem se admirasse quando o Dias Loureiro foi "apanhado" a telefonar ao pai - Pai, já sou ministro!

M. disse...

Fosse Eça vivo e dava um romance...lol

Anonim disse...

Este ao menos não anda a fazer de conta que é o que não é ao contrário desse Paulo Portas que anda sempre metido nas feiras e mercados nas campanhas e depois vai-se enfiar é no Ministério da Defesa ou no dos Negócios Estrangeiros.

Esse sim é que é o maior tacheiro cá do sítio!

E o pior é que ainda há gente que vota nele!!!

;oD

Isis disse...

Coisa mai uinda! :) Assumido. LOL

Catarina Reis disse...

Pelo menos teve a lata de dizer logo que era. beijos

jmc disse...

Esta placa necessita ser actualizada. Parece que o pobre desgraçado foi dos que ficou de fora...

L.H. disse...

Eu tive uma professora na Universidade que tinha uma chapinha de identificação no carro (como se usava há alguns anos atrás) que, para além do nome, tinha a inscrição: esposa do juiz fulano tal... Que coisinha mais pirosa, carago!

AVOGI disse...

mas que pirosidade!!!
queredo!! e o que faz o de puta do na vida? só deputa?
kis :=)